Sobre

Quem sou eu?

Especialista em Gestão de Pessoas, Carreira, Liderança e Coaching pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS).

Personal & Professional Coach e Líder Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching (SBC), formação certificada internacionalmente pela Association for Coaching (AC) e pelo Institute of Coaching Research (ICR).

Advanced Coach pela Academia Brasileira de Coaching (Abracoaching) e Concretize Coaching, formação certificada internacionalmente pela International Association of Coaching (IAC) e pelas regras do International Coaching Federation (ICF).

Mentora e Coach de Carreira com mais de 10.000 horas em atendimentos individuais.

Jornalista graduada pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG), com título de Destaque Acadêmico e medalha de honra ao mérito por ter tido desempenho diferenciado em todo curso de graduação.

Facilitadora de oficinas e vivências nas áreas de desenvolvimento pessoal e profissional, com treinamento na High Performance Academy, pela Brendon Burchard Company (Califórnia-EUA).

Mentora de Negócios Autênticos na Oficina de Sonhos, com treinamento na Supera Ginástica Cerebral, avançada ferramenta pedagógica de estimulação cognitiva, que alia neurociência e educação, estimulando o cérebro a ampliar suas capacidades de pensar e agir.

Colunista no portal O Segredo, um dos maiores portais de conteúdo voltado para a área de desenvolvimento pessoal do país.

Escritora no blog Cookies and Words e autora dos e-books Escolha Ser Você: as cinco coisas que te impedem de ser você mesmo. E como você pode superá-las (desenvolvimento pessoal), Reconecte-se: uma jornada milagrosa em busca do que realmente importa (desenvolvimento pessoal) e Caminho da Vocação: guia prático para quem ainda não saber o que quer fazer da vida (reorientação vocacional).

Artista formada pela Escola de Teatro da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC-MG).

Palestrante e empreendedora digital, com participação em eventos de desenvolvimento pessoal e profissional em universidades e no meio empreendedor.

Pós-graduanda em Neurociências Cognitivas e Processos Psicológicos, pela Faculdade Unyleya.

Um pouco mais sobre mim

Quando descobri que eu podia usar as palavras para tocar as pessoas, ensiná-las a pensar de um jeito diferente do senso comum, desafiá-las a sair da zona de conforto e provocar insights poderosos, eu não parei mais de escrever. Sou completamente apaixonada por histórias de transformação pessoal e mudança de vida e, quando não estou escrevendo ou atendendo aos meus queridos coachees e mentorados, estou correndo, lendo uma infinidade de livros sobre os mais variados assuntos, assistindo a filmes e séries, brincando com meu cachorro ou compartilhando momentos preciosos com minha família e amigos. Também preciso te contar que sou uma pessoa extremamente curiosa e observadora. E que acredito piamente que somos capazes de muito mais do que imaginamos, não importa o que os outros digam ou o que as condições ao redor pareçam determinar. Todos nós já temos as ferramentas que precisamos para escolhermos uma vida com mais propósito e que realmente nos traga mais felicidade. Uma vida que valha a pena.

 

Como cheguei até aqui?

Após trancar três vezes a faculdade de Jornalismo por não estar certa de que aquilo era para mim e, nesse meio tempo, concluir a minha formação em Teatro, fazer disciplinas isoladas nos cursos de Pedagogia e Relações Públicas e cogitar seriamente migrar para a Psicologia, eu finalmente entendi que era uma multipotencial. E que estava perdida. Durante grande parte da minha vida, eu tinha feito escolhas em função do que as outras pessoas podiam pensar ou falar a meu respeito. Durante grande parte da minha vida, tentei agradar e ser aceita. Durante grande parte da minha vida, vivi na esperança de alcançar um ideal de sucesso e felicidade que, a bem da verdade, nem era o meu.

Na ânsia de tentar agradar e corresponder às expectativas dos outros  – e empacada em função do medo de ser julgada e criticada, de fracassar e fazer papel de boba – eu tinha me perdido de mim mesma. Eu não sabia mais quem eu era, do que gostava, em que acreditava, pelo que valia a pena lutar. Eu já não vivia com propósito e paixão. Eu estava infeliz. E aquilo me angustiava.

Num daqueles dias que valem por todos os outros, porém, tomei a decisão mais importante da minha vida: não dava para adiar mais. Se eu não sabia quem eu era e aonde queria chegar, eu precisava descobrir. Era chegada a hora de me reconectar com a minha própria essência e fazer escolhas mais alinhadas com a minha verdade.

O reencontro

Ao longo da minha jornada de reconexão comigo mesma, fui aprendendo a redescobrir as minhas paixões, os meus valores mais preciosos e a minha missão de vida. Ao longo dessa jornada incrível de autoconhecimento, autoperdão e transformação pessoal, eu finalmente comecei a descobrir quem eu era.

Eu gostava de escrever, orientar, ensinar, conversar com as pessoas sobre questões da psicologia humana, observar mudanças concretas na minha vida e na dos outros, contar histórias e ainda tinha uma facilidade enorme de falar em público. Ok. Esses eram os meus talentos e as minhas paixões. O que eu não sabia ainda, e que eu só fui descobrir depois de passar por um processo de coaching, é que eu podia reuni-los, sim, em um trabalho que fizesse os meus olhos brilharem e o meu coração bater mais animado. Eu só precisava descobrir exatamente qual trabalho era esse. E, caso ele ainda não existisse, eu precisava criá-lo.

Ao decidir que queria ser escritora, um leque de opções se abriu bem na minha frente, porque eu comecei a pensar fora da caixa, considerando, dessa forma, todas as possibilidades que aquela escolha podia me oferecer. Ser escritora significava apenas publicar livros em papel por meio de grandes editoras? Era só isso? E se eu pudesse escrever sobre aqueles assuntos que eu mais gostava, como autoconhecimento e transformação pessoal, e, a partir daí, pudesse publicar e-books, palestrar, dar workshops e cursos, orientar indivíduos em sessões de coaching e mentoria e, por que não, ganhar um bom dinheiro fazendo aquilo que eu mais amava?

Com foco, clareza e consistência, cheguei à conclusão de que era aquilo o que eu queria fazer:

Ajudar você a escolher e planejar uma carreira e um estilo de vida que te façam mais feliz.